03/09/2010

Se o passado fosse presente....

Se o presente fosse o passado,
Seriam tantas as pedras que esquivaria e menos as que tropeçaria 
com as que na minha soberba
não consegui ver nem alcancar.
Se o presente fosse o passado, 
seria mais útil e menos descuidado, 
escutaria os conselhos do sábio, 
ainda que rir-me-ia dos erros ultrapassados.
Se o presente fosse o passado, 
princípios seriam sinceridade e paciência 
mas não caberia tanto capricho e vaidade,
leis só na adolescência.
Se o presente fosse o passado,
guardava muitos "amo-te" nos lábios, 
que não guarde, 
e fiquei com coração envergonhado.
Se o presente fosse o passado, 
salvaria  todos os meus mortos, 
por egoísmo, 
de só os ter mais um momento comigo.
Se o presente fosse o passado, 
pediria aos ricos a formula do sucesso; 
e presentear-lhes-ia aos humildes,
a fonte da ambição. 
Para ver quantos trocavam a convicção, pela tentação.
Se o presente fosse o passado, 
voltaria a sentir a paixão do amor; 
mas desta vez recordaria vivê-la
com mais excessos e sem tantas questões.
Se o presente fosse o passado, 
voltaria a perder a sensatez, 
para reencontra-la nalguma ponte bem alta,
à beira dum abismo.
Se o presente fosse o passado,
não poderia ser quem sou,
seria sempre o que fui,
viveria no meio... sem avanço, 
no meio da desilusão,
pelo que pude ser ....não já pelo que fui.
Se o presente é presente,
é porque teve alguma coisa,
que me permitiu chegar ao que sou HOJE...
Passado...presente....futuro.

1 comentário:

Zé de Melro disse...

Reflexão comum a mim e creio que a muitos outros.
Outros haverá que erraram menos e menos pensariam no que fariam se pudessem voltar atrás.
Até determinada altura da vida, diria uma juventude tardia, penso que a presença dos pais é fundamental.