20/07/2010

E o Zé de Merlo disse:

Bem, este foi um comentário que recebi, gostei e decidi partilhar com todos:

O medo, injustificado ou não, faz parte da vida.
Há os temerários que não receiam até quando deviam, 
há os cobardes medíocres que nada arriscam,
há os irresponsáveis, os inimputáveis e os malucos.
Há os que venceram por ter medo e não arriscar.
Há os que perderam por ter medo e não arriscar.
Há os que venceram por não ter medo e arriscar.
Há os que perderam por não ter medo e arriscar.
Enfim, esse sentimento que nos faz ser prudentes e cobardes...

Quem nunca o sentiu?

3 comentários:

Zé de Melro disse...

Enfim, era um pouco mais complicado, vou utilizar a funcionalidade "copiar e pegar" no próximo comentário.

Zé de Melro disse...

Zé de Melro disse...

O medo, injustificado ou não, faz parte da vida.

Há os temerários que não receiam até quando deviam, há os cobardes mediocres que nada arriscam, há os irresponsáveis, os inimputáveis e os malucos.

Há os que venceram por ter medo e não arriscar.

Há os que perderam por ter medo e não arriscar.

Há os que venceram por não ter medo e arriscar.

Há os que perderam por não ter medo e arriscar.

Enfim, esse sentimento que nos faz ser prudentes e cobardes...

Quem nunca o sentiu?

15/7/10

Zé de Melro disse...

Muito Obrigado. A si devo-lhe ter sido o meu primeiro seguidor!